quinta-feira, 7 de outubro de 2010

igreja-Maria

Eu não sei com vocês, mas o que aconteceu comigo com relação à Maria foi isso aqui ó:

Valei-me Deus, é o fim do nosso amor
Perdoa por favor, eu sei que o erro aconteceu
Mas não sei o que fez tudo mudar de vez
Onde foi que eu errei?
Eu só sei que amei, que amei, que amei, que amei

Será, talvez, que minha ilusão
Foi dar meu coração com toda força
Pra essa moça me fazer feliz?

E o destino não quis
Me ver como raiz de uma flor de lis
E foi assim que eu vi nosso amor na poeira, poeira
Morto na beleza fria de Maria
E o meu jardim da vida ressecou, morreu
Do pé que brotou Maria
Nem margarida nasceu

Djavan

hugo


3 comentários:

Wilson 9 de outubro de 2010 13:47  

Dentro da beleza fria de Maria, a impessoalidade me garante que a infertilidade está em quem espera de Maria. E não Maria que como nós esperamos a ressureição do Cristo. Verdadeiramente Maria será Margarida, Liz, Flor...etc.

Wilson 9 de outubro de 2010 13:51  

Caro Hugo, à propósito, já sei não entendi nada do que voce postou. Ainda chego lá, estou me esforçando.
Somos do Senhor.

Hugo Lucena Theophilo 9 de outubro de 2010 14:29  

Wilson, vc está certo: "a infertilidade está em quem espera de Maria"...em quem dá seu coração com toda força pra essa moça lhe fazer feliz..."

Abração

  © Blogger templates The Professional Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP