terça-feira, 5 de outubro de 2010

O problema da religião: Igreja Imortal do Respaldo Social

O problema da religião é que suas instituições, ao longo da história, têm se prestado a ser apenas um local onde o homem pode encontrar o respaldo social necessário para conseguir dormir tranquilo, seguro de que as suas definições da realidade fazem sentido.

O problema da religião é revestir a morte de tantos significados que terminam por denunciar a tentativa de não morrer. É rejeitar a morte, que desafia radicalmente todas as suas definições da realidade, que denuncia a fragilidade das suas construções e que ameaça de irrealidade toda a sua parafernália precária mas aceita socialmente como suprema.

hugo theophilo...bergeriando


3 comentários:

René 6 de outubro de 2010 17:21  

Então, o problema da religião é esconder a verdade sobre a morte, por ela ser aquela inimiga que denuncia que a existência de suas instituições só serve para acalentar a utopia humana, de ser onisciente, onipotente e onipresente, e de que pode ser eterno, por si mesmo...!!!???

Ou viajei na maionese...

Hugo Lucena Theophilo 6 de outubro de 2010 17:44  

O problema da religião é rejeitar a proposta de ter que morrer para poder ter vida (vide o grão de trigo, ou a representação do sal). É rejeitar aquela renúncia necessária. É rejeitar a cruz! A morte é a grande ameaça a tudo o que é aceito como verdade absoluta e incontestável e, como ameaça a existência, precisa ser interpretada. Dai as muitas roupagens que a religião lhe confere. Muitas dessas roupagens são apenas tentativas de fazer com que a morte não afete as estruturas plausíveis da ordem social (incluindo religiosa). Isso é assunto para outro texto, mas adiantando, eu penso que com Jesus o papo é outro. Ele não admite os nossos mecanismos pra driblar a morte em nenhum nível: individual, social ou institucional. Para que se tenha vida é preciso começar morrendo. Foi assim com Ele né!!? O Cordeiro foi imolado antes da fundação do mundo!

Para a religião o significado da cruz é morte, por isso ela não aceita. Mas em Cristo o significado da cruz é vida...vida eterna! Por isso ela é necessária.

Viajei na maionese!!?? rsrs

abração

René 6 de outubro de 2010 17:59  

Já que citei a utopia humana de ser eterno por si mesmo (sem morrer), até que não viajei demais!!! rsrs

  © Blogger templates The Professional Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP